domingo, 10 de julho de 2011

A dor e tom

Que tom tem a dor?
Descontente com o amor
Sonho depressa para logo acordar
Eu quero, eu preciso amar!

Quem tom tem a dor?
Cantando os temas se descobre a cor
Na alvorada e no amanhecer
Eu canto depressa para não esmorecer

Que tom tem a dor?
Um sol com si be mol
Ou lá com dó si ré
Independente, cantando eu engrandeço a minha fé

Que tom tem a dor?
Independentemente do tom
Eu canto com emoção
Refletindo agora
Eu canto é pra mandar ela pra fora!

Liliane Matos

2 comentários:

  1. Meu lado poético... rsrsrsrs até que ficou bonitinho... rsrsrsrs

    ResponderExcluir
  2. eheheheh.. nossaa... que lindoo. heheheh

    ResponderExcluir

Deixe suas palavras nesta Torre!