terça-feira, 30 de agosto de 2011

Ação Forte

Olá galera, ontem fui a uma ONG que é "patrocinada" pela Pfizer, ela se chama Ação Forte. Fui conversar com alguns adolescentes sobre profissão e acabei falando um pouco sobre minha vida para eles. Eu gostei muito, eles ficaram quietos no inicio, mas depois se mostraram bem receptivos.
Obrigada Turma. Foi muito bom conhecer vocês.
Logo coloco fotos!

domingo, 28 de agosto de 2011

Oi

Olá pessoal, geralmente escrevo aqui coisas do passado, ou textos sobre assuntos diversos. Mas hoje vou fazer diferente. Hoje estou totalmente em um jardim fechado regada e cuidada pelo Espírito Santo. Os ouvidos estão atentos para ouvir a voz do Pai, os olhos abertos para ver a glória de Deus
Às vezes o frio é tão intenso que chega a doer, a noite é tão escura que você não consegue enxergar nem suas próprias mãos, o vento é tão forte que parece que vai destruir tudo. E o coração está despedaçado, pisoteado.  
Mas, nada disso pode me deter, ma matar ou me fazer desistir, pois construí a minha casa na rocha, estou firme, pois sei em quem tenho crido.

Para todos aqueles que estão sofrendo, chateados, tristes, sem esperança, se sentindo abandonados, traídos, se você conseguir me escreva, pois quero orar por você! E-mail: lara-medeiros@hotmail.com.

Deus abençoe vocês

Lara

quinta-feira, 25 de agosto de 2011

Uma história de amor


   Havia uma garota que não era a mais bonita da sala, não era a mais inteligente, não era a mais popular, vivia no seu lindo infinito particular.
   Um dia, essa menina se apaixonou. Que incrível!  Seu primeiro amor!! Seu mundo se encheu de flores, corações, e sonhos! Mas.. como ser correspondida se não tinha nada de especial??
   O menino pelo qual era apaixonada, não dava a mínima para a garota, a maltratava, era grosso,  e, aos poucos, o mundo lindo que a menina tinha em mente, se transformou em lágrimas, se transformou num mundo sem esperança.
   Seus amigos tentavam colocar ela pra cima, por um tempo, até ficava tudo tranqüilo, mas, o sentimento que ela tinha, não mudou, seu coração, mesmo que fraco e despedaçado, ainda batia pelo garoto.
   Um dia, a menina mais popular da escola foi procurar a tal garota apaixonada. Mostrou a ela um mundo novo!  Alguém perfeito por quem se apaixonar, uma nova vida pra viver, um amor inexplicável.
   Essa menina, aceitou conhecer esse Alguém.  Aos poucos, esse novo amor, foi  curando todas as feridas feitas pelo primeiro amor. Uma nova alegria foi dada a ela, um novo sorriso surgiu em seu rosto!
   Mas.. ela continuava a amar o garoto que a desapontou.  Isso a colocava para baixo, brigas, decepções a abalavam.  E,seus amigos, preocupados, a alertavam, mas ela estava cega. Completamente cega!! Não percebia que isso afetava o seu caráter, seu jeito de ser. Amargura, e ódio começaram a tomar conta do seu coração, e ela começou a voltar para o seu mundo antigo.
   Até que, a amiga que apresentou sua nova vida a ela,e os amigos conquistados durante esse tempo, um dia foram falar com ela, e, então, ela pediu perdão ao alguém perfeito, entregou seu coração a Ele, sabendo e crendo, que estaria num lugar seguro e pacífico.
   Seu sorriso voltou!  Seu coração está sendo sarado outra vez, mas, desta vez, ele permanecerá junto ao Amor sem Limites.
   A menina entregou seu coração a melhor pessoa do mundo, é completamente apaixonada por ela, desistiu de sua antiga vida pra viver junto a Ele, e está começando a contagiar as pessoas com esse amor.
   Esse ser perfeito, esse amor sem limites vem de Deus!! Quando a sua história de amor junto a Ele vai começar???  Quando você vai escutar  a voz dentro de você, que diz para se entregar a Ele??? Quando você vai deixar seu coração em um lugar seguro, e esperar a hora certa  para amar alguém imperfeito?? Quando você vai fechar os olhos, e seguir em frente, sem olhar para trás,  dando as mãos para Deus???

Gi Mattoso

segunda-feira, 22 de agosto de 2011

O mundo é admirável?Será?



Q

uando pensamos se o mundo é admirável,logo vem a resposta,que é sim,pois existe: transportes(Carros,motos,aviões,etc..),o dinheiro,a tecnologia,entre muitas outras coisas de bom que existe no mundo.
Mas se olharmos de outros olhos, notaremos o mundo não é tão admirável. Então vem a pergunta: Porque o mundo não é tão admirável?
Porque se formos ver bem, além de tudo isso de bom, não há coisas ruins?
Como por exemplo: O desmatamento, a poluição, a violência que o homem provoca.
O mundo é, mas não é tão admirável quando pensamos que ele é. Hoje o mundo é separado entre duas coisas. Quem tem respeito e ajuda o meio ambiente e as pessoas que não tem respeito e não ajuda o meio ambiente.
Tudo no mundo hoje tem seu lado bom e seu lado ruim, não podemos falar que o mundo é admirável, se não olhamos os dos lados da moeda.
Hoje o próprio ser humano destrói, mata o próprio lugar onde vive o mundo. Quando falamos dos seres humanos, pensamos só nas coisas boas que ele fez,mas não prestamos atenção no que ele fez de ruim para o nosso planeta,para o mundo.
Quando passamos por momentos bons, de alegria, de felicidade, logo nos vem a cabeça: "O mundo é ótimo,admirável pra quem o observa,mas no mundo não existe apenas momentos de felicidade,de alegria, mas há também os momentos ruins,de tristeza que infelizmente temos que passar."
Então resumindo tudo isso se pode pensar que o mundo é sim admirável, mas nem tanto quanto pensamos que ele seja. Não adianta apenas falar de tudo mais tudo de bom que nele e não falar das coisas ruins que há, Não podemos apenas olhar um lado da moeda (O lado bom),porque precisamos ver principalmente o outro lado da moeda(O lado ruim).Mas temos que ver principalmente a realidade que passa não só em uma parte, mas sim em todas as partes do mundo.
Então o mundo pode sim ser admirável, mas nem tanto quanto pensamos.

Pedro Caus

sábado, 20 de agosto de 2011

Ganhei uma jóia rara hoje!


Agora eu entendi o que é ser servo e o que é diminuir para que Jesus cresça em mim.
Agora eu sei o valor de ser amigo de Jesus!
Não são as minhas realizações que importam,
Não são as minhas conquistas que merecem aplausos
Não sou eu, mas nós!
É Jesus quem merece honra
É Jesus quem merece louvor
Agora eu entendo e agradeço a ti, Espírito Santo, por me fazer compreender e VIVER a palavra de Deus!

sexta-feira, 12 de agosto de 2011

O plano de Deus se revela quando menos esperamos.

Quero compartilhar alguns fatos que vivi e estou vivendo nestes últimos meses. Sou convertida há pouco mais de 6 meses, me batizei em Fevereiro deste ano. E fui avisada de que poderia sofrer alguns “ataques’ do inimigo.
Me lembro da Priscila nos alertando e comunicando sofre o jejum e oração que a equipe de Integração faria na semana que antecederia ao batismo. E para avisarmos à ela sobre qualquer problema naqueles dias.
A semana correu perfeita, sem problema algum e eu fiquei feliz, pois o inimigo não conseguira nos impedir de nascermos para uma nova vida.
Tudo foi muito bem até que em 28/04/2011 (2 meses e meio após o batismo) sofri um terrível assalto, onde jovens rapazes levaram tudo o que eu tinha dentro do nosso carro, inclusive o carro. E esse tudo compreendia: bolsa com documentos, celulares, chaves, vários itens de bolsa de mulher que passa o dia todo fora de casa – dá pra imaginar que não é pouca coisa, roupas, material da faculdade – de 3 disciplinas que tinha as 5ªs feiras. Enfim, uma perda material muito grande, mas não irreparável, pois EU fiquei viva (e, olha que por 3 vezes achei que o assaltante dispararia o revolver em minha cabeça).
O inimigo enfim conseguiu me atacar, mas Deus o impediu de um extermínio total. E ai pude compreender o quanto ele luta por vidas que ela tinha como ganhas para o seu principado.
Cheguei a conclusão de que ele não acreditava que eu realmente tivesse me libertado de suas garras. Que eu deveria estar ‘empolgada’ com essa coisa nova de nascer de novo, ser liberta pelo sangue de Jesus, e ser filha de um Pai que ama, cuida, protege todos os seus filhos. Quando ele viu que não era ‘fogo em palha’, resolveu me surpreender e me testar.
Durante a 1ª semana após o assalto fiquei muito mal, cometi muitas murmurações, não conseguia dormir, pois à todo tempo me vinha a mente a cena do assalto, ouvia a voz do assaltante... Mas pela graça e misericórdia de Deus, pela intercessão de tantas orações de tantos irmãos, me libertei de tudo isso.
E comecei a tentar recuperar, repor os itens que havia perdido e que eram possíveis de se reporem. Os documentos, cartões, anotações e textos das aulas, telefone, necessaire com itens de maquiagem, higiene pessoal, chaves, estojo e outros. Enfim, continuei vivendo e acreditando mais no poder e graça de Deus.
Dentre os itens da faculdade, eu perdi todas as anotações de estágio (aproximadamente um total de 25 horas de observação) que teria que tê-las para montar o relatório final da disciplina de Gestão da Educação Infantil.  E isso refletiu-se no inicio de junho, quando tive que entregar o relatório final, pois aqueles papéis rabiscados seriam meu “Diário de Campo” e também tinha que ser entregue anexo ao relatório final para a orientadora da disciplina.
A professora foi muito compreensiva, me garantiu que a minha nota não seria prejudicada pelo meu “Diário de Campo” estar incompleto. Mas para eu escrever o relatório as anotações eram extremamente importantes, um apoio de memória mesmo. Com o apoio de Deus, consegui me lembrar de muitas coisas, escrever o relatório, entregar no prazo estabelecido. Ufa! 1ª vitória.
A 2ª vitória veio quando a professora entregou as notas e eu obtive a nota máxima no relatório (e na média final também). Glória a Deus.
E já estava mais do que satisfeita e grata a Deus por tudo isso, e assim vieram as férias de julho. Um prazer abençoado por ficar mais tempos com minha família, fazer as coisas sem correr tanto, dormir algumas horas a mais, frequentar às reuniões de célula, enfim... FÉRIAS!
Esta semana que se passou foi última de descanso, então comecei a arrumar as coisas pra iniciar mais um semestre de estudos, acessar o site da faculdade pra confirmar as disciplinas que cursarei. Então vejo que no final de agosto acontecerá o Seminário da Faculdade de Educação e obrigatoriamente temos que nos inscrever em palestras que ocorrem durante o horário de aula normal. Fiz tudo o que tinha que fazer, as opções de cursos e palestras, tudo certinho.
Na 3ª feira vejo um email da orientadora do estágio. Abro e me surpreendo mais uma vez: ela estava me convidando a expor meu relatório de estágio durante o Seminário de Educação! Aquele mesmo relatório que em algum momento de desespero imaginei que não conseguiria entregá-lo. Uhulll... 3ª vitória!!!!
Isso pra mim foi uma vitória em Cristo muito grande. Fiquei realmente muito agradecida por Deus estar se mostrando presente em todo o tempo. Pois estar cursando uma faculdade a essa altura da minha vida, quem convive bem próximo à mim, sabe que é além da realização de um sonho antigo, é também uma demonstração de que tudo acontece realmente no tempo de Deus.
Ele já havia planejado que o tempo de eu cursar uma faculdade seria agora bem depois dos 30 anos de idade e não aos 16 quando saí do Colegial.
Ele determinou que seria Pedagogia o curso a me formar, e sabia da minha relutância por essa profissão e formação acadêmica.
Ele também permitiu que eu sentisse a Sua graça e misericórdia nos momentos de aflição. Não para me testar, mas para que eu passasse a escutá-lo mais e não me assustasse com as tempestades.
Ele me auxiliou a escrever, estudar, apresentar os trabalhos da faculdade e receber as melhores notas. E como aprendemos com Ele, também temos que compartilhar tudo que recebemos, ganhamos Dele. A Sua palavra sobretudo.
Enfim, Ele está no comando da minha vida e da vida da minha família. Além de feliz, sou eternamente grata pelo amor de Deus. E sei que cada vez mais Ele me conduzirá para poder levar a Sua palavra através dos meus estudos e do meu trabalho com educadora.

Lucilene Mattoso

terça-feira, 9 de agosto de 2011

Vamos Voar?

Sabe, tenho escutado muito a uma musica chamada ‘Fly – Jason Upton.’ E comecei a procurar mais sobre ela. Tentar fazer uma análise, e tudo mais. Por ser uma musica espontânea, a letra dela é longa, mas, para mim, as musicas espontâneas são as *“The Best’s”.
  No momento de gravação, só o vocalista cantava, mas, depois de gravada, foram detectados anjos cantando, como sons de trombetas ao fundo, no ritmo e melodia da música. É tipo, O CARA CANTOU COM ANJOS!!! Ele cantou com anjos, e tem pessoas que não acreditam em Deus!
  Mas, certamente, ele passou por essa experiência, porque se entregou totalmente a Deus. Olha quantas coisas acontecem quando nos entregamos á Deus!
  Logo na primeira estrofe, a música fala de novos ares, novas coisas. “Precisamos de novos tempos”,  precisamos de novos atos, de tempos ABENÇOADOS.
  Logo após, vêm as seguintes perguntas : “O que você está fazendo? Aonde você está indo?” Deus quer te dar ASAS para voar! Mas, O QUE você está fazendo? Está fazendo as coisas certas?? Está indo na direção certa??
  “Deus está te dando asas”, mas, o que te IMPEDE de voar?? O que te traz MEDO de cair?? Você pode ter um testemunho maravilhoso, como o de Pedro andando sobre as águas, se você se libertar. Pedro afundou, sim, afundou. MAS ELE ANDOU SOBRE AS ÁGUAS. Quer voar?? Você pode voar, ESQUEÇA o fato da queda. Muitas pessoas têm medo de fazer algo, por medo de cair. Mas, se você CONSEGUE voar, ou andar sobre as águas, você tem FÉ pra continuar.
  Esqueça dos seus medos! LIBERTE-SE!! Se tem fé em Deus, se entrega todos os seus medos para Deus, e mantém o FOCO n’Ele, Ele não te deixará cair.
  Então, vamos voar?

* The Best's = AS Melhores

Autora: Gi Mattoso

terça-feira, 2 de agosto de 2011

Despedida


Minha mãe me falou várias vezes, me alertou com o jeito doce e discreto dela, não me obrigando, mas me dando um toque. Eu percebi que aquele aviso era sério e que deveria ouvir o conselho dela e agir rápido.
Mas...
Fui pra casa, esqueci o assunto, em alguns momentos do dia ou da semana relembrava, mas fui trabalhar. Cuidar do meu filho, fui pra igreja, fui descansar e não fui visitar uma pessoa tão especial e amada.
Minha mãe me avisou que ele estava doente e que perguntava por mim... eu senti que deveria ir vê-lo e relembrar os velhos tempos, e ouvir as história de quando ele era mais jovem e eu uma criança.
Agora, hoje, recebo a notícia que ele já não faz mais parte deste mundo, disse um adeus silencioso, da mesma forma que viveu: simples, amável, leal, sincero, amigo, um homem honesto, assim ele se foi. E eu não fui vê-lo...
Isso não é uma homenagem, não é um sermão, nem chega perto de uma cobrança.
Isso é o que meu coração está sentindo agora, esta vivendo, sofrendo, silencioso, tentando reprimir a angústia, o arrependimento.
Mas, Ele não pode fazer isso, precisa se derramar, chorar, clamar pelo perdão do Pai, esse é o meu coração.
E para deixar registrado, marcado, eu falo: Seu Aparecido, obrigada pelo amor, pelo carinho, por tudo que me ensinou e por se lembrar de mim!

02 de agosto de 2011

Lara Cristina de Medeiros Belette